fevereiro 22, 2024
PMFS - Carnaval - Micareta de Feira 2024

Feira de Santana registrou 74 milímetros de chuva em três dias

 Feira de Santana registrou 74 milímetros de chuva em três dias

Confira orientações da Defesa Civil para manter a segurança durante o período chuvoso

Depois de longos dias registrando altas temperaturas com picos de 40° graus, chuva chegou em Feira de Santana, tanto na sede como nos distritos. Segundo a Defesa Civil, em três dias foram registrados 74 milímetros de chuva. Um alerta laranja foi emitido pelo INMET (Instituto Nacional de Meteorologia) para Feira de Santana indicando chuvas intensas na região. A previsão é que a precipitação diminua até sábado.

O responsável por trazer esse pé d’água para Feira de Santana é chamado de Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS). “O fenômeno é normal no verão e se caracteriza pelo encontro de nuvens de chuva advindas da Amazônia com ventos do oceano Atlântico”, explica Anna Karoline Rebouças.

De acordo com o órgão, a cidade registrou alguns pontos de alagamentos, no entanto a Defesa Civil não recebeu nenhum chamado e nem solicitação para vistoria de imóveis. Equipes da Defesa estão em campo monitorando algumas áreas.

A chuva também caiu nos distritos de Feira; a ponte de Jaguara está interditada.

“Nos distritos também choveu, e nós já entramos em contato com o pessoal de Jaguara e Bonfim de Feira. Eles estão agradecendo a Deus pela chuva que caiu por conta da situação de estiagem que estamos enfrentando. Apenas em Jaguara tivemos a ocorrência da ponte interditada”, disse a coordenadora da Defesa Civil, Anna Karoline Rebouças.

Confira a seguir algumas orientações para se manter seguro nesse período chuvoso:

É recomendado evitar passar por águas acumuladas nas ruas e tomar cuidado com buracos e bueiros abertos.
É importante evitar campos abertos e áreas apertadas durante tempestades com raios e trovões.
Para quem está de carro, evitar passar por lâminas de água muito alta. E em caso de alagamento, esperar um pouco o nível da água baixar, pois ao longo do caminho podem haver buracos ou bueiros abertos que podem deixar o veículo preso.
A população pode entrar em contato com a Defesa Civil através do telefone 156.

Secom – Foto: Jorge Magalhães

Whatsapp
Olá
Olá, podemos ajudar?