dezembro 8, 2023
Anuncie Aqui - Topo

Mais de 222 mil carcaças de pneus recolhidos entre janeiro e maio

 Mais de 222 mil carcaças de pneus recolhidos entre janeiro e maio

Mais de 222 mil carcaças de pneus velhos foram retirados das ruas de Feira de Santana entre janeiro e maio deste ano. O recolhimento dos objetos inservíveis e o tratamento dos que ainda são utilizados é feito pela parceria entre as secretarias municipais de Serviços Públicos (Sesp) e Saúde (SMS).

As ações fazem parte das estratégias para reduzir a proliferação do mosquito Aedes Aegypti – tendo em vista que são peças que servem como criadouros -, bem como a manutenção da limpeza da cidade.

Conforme o diretor do departamento de limpeza pública, João Marcelo Gomes, os materiais são recolhidos, por três equipes do setor, nas borracharias e nos pontos de descarte irregular, a exemplo de terrenos abandonados pelo dono.

“As carcaças coletadas são destinadas para a cooperativa CBL no distrito de Humildes. Lá, é feito o desmanche no qual é retirado o ancho da carcaça e a borracha ganha um novo rumo, sendo triturada e transformada em matéria-prima para asfalto, construção e outras atividades”, relatou.

Já o tratamento dos pneus é realizado por uma equipe formada por 20 profissionais do Centro Municipal de Endemias. O procedimento é feito no intervalo de 15 dias em locais denominados pontos estratégicos.

“Os pontos estratégicos são lugares onde o agente precisa fazer o tratamento constante para impedir a disseminação do mosquito. Normalmente, são borracharias, cemitérios, estabelecimentos que vendem ferro velho, locais que acumulam materiais a céu aberto e que a gente precisa ter um olhar diferenciado. Feira tem mais de 500 pontos que a gente desenvolve este trabalho”, destacou a coordenadora do Centro de Endemias, Sintia Sacramento.

Secom/ foto: Abnner Kaique/ Arquivo

Whatsapp
Olá
Olá, podemos ajudar?